Raças

Ir em baixo

Raças

Mensagem por Hextor em Sab Jan 26, 2013 5:47 pm

- Bom gente primeiro ponto que eu vou levantar aqui são as Raças. Teremos aqui expostos: Elfos, Drows, Halfflings, Humanos, Anões e Gnomos. Pensem que cada raça tem suas habilidades próprias e capacidades, como a dos Drows de Enxergar no escuro e dos Elfos da Visão. Faremos um sistema bom ligado a isso ainda, temos que pensar, mas antes de tudo o importante é colocar aqui um tópico para que as raças sejam postadas com seus detalhes. Acho que ficará interessante se todos acrescentarem algo quando virem alguma coisa que consideram importante e interessante a ser usada.

Lembrem-se que antes de começarmos a penerar as informações e as coisas todas, é bom que tenhamos o maior número de informações possíveis. Para cada raça terão de ser definidos os seguintes aspectos:

Características Físicas que marcam os representantes daquela Raça, algo bem explicado que defina como costumam ser os seus representantes. Alianças e Relações que explicará a visão das raças sobre as outras em uma forma geral, mas é algo que pode mudar de indivíduo para indivíduo dependendo do contato que ele tem com membros de outras raças, entretanto é bom ter especificado um contexto geral. Práticas e Habilidades que serão as capacidades permitidas para as raças terem. Cada raça tem habilidades próprias e algumas práticas, sendo que é possível se ver as práticas se repetindo entre as raças. Portanto comecemos!

Lembrando que primeiro é preciso uma coleta de dados, portanto, tudo que acharem de útil sobre as raças, joguem aqui sem precisar editar, será feito isso no fim do tópico.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Sab Jan 26, 2013 8:32 pm

ELFOS

1ª Fonte: Elfos em jogos de RPG são pessoas de uma raça mística com aparência humanóide geralmente belos(as) e loiros. São mais baixos e menos fortes, porém mais rápidos e habilidosos que os humanos. Há quem diga que são Semi-Deuses e Imortais.
São seres mágicos, ligados à natureza, o que os diferencia de Magos e Feiticeiros, que advém do estudo das artes arcanas por outras raças.
São excelentes arqueiros e possuem natural aptidão para as magias da Natureza (típica dos Druidas). Também famosos por Criarem Várias armadilhas para se livrar de seus inimigos. Têm longevidade e excelente prontidão (5 sentidos aguçados). Entre eles e os Anões há uma inicial indisposição. A reação entre eles sempre deve começar negativa.

2ª Fonte: Elfo é uma criatura mística da Mitologia Nórdica e Céltica, que aparece com frequência na literatura medieval européia.
Nesta mitologia os elfos chamam-se Alfs ou Alfr, também chamados de "elfos da luz" - Ljosalfr. São descritos como seres belos e luminosos, ou ainda seres semi-divinos, mágicos, semelhantes à imagem literária das fadas ou das ninfas. De fato, a palavra "Sol" na língua nórdica era Alfrothul, ou seja: o Raio Élfico; dizia-se que por isso seus raios seriam fatais a elfos e anões.
Eram divindades menores da natureza e da fertilidade. Os elfos são geralmente mostrados como jovens de grande beleza vivendo entre as florestas, sob a terra, em fontes e outros lugares naturais. Foram retratados como seres sensíveis, de longa vida ou imortalidade, com poderes mágicos, estreita ligação com a natureza e geralmente acompanhadas de ótimos arqueiros.

3ª Fonte: Elfos, na obra de J.R.R.Tolkien, são uma raça que, juntamente com os homens são os Filhos de Ilúvatar.
Os Elfos são descritos como altos e belos, parecidos com os Valar, só que menores em estatura e poder, e são imortais, pelos menos enquanto o Mundo, chamado Arda, existir. Não envelhecem nem adoecem, e se forem mortalmente feridos ou se sofrerem um grande desgosto seu corpo morre, mas seu espírito sobrevive sendo então enviado para as Mansões de Mandos onde permanece até poder reencarnar, em um corpo idêntico e com as mesmas lembranças.

PS: Todas as informações foram pegas apenas da Wikipédia, quem tiver mais a acrescer, por favor.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Sab Jan 26, 2013 8:34 pm

ELFOS NO FORGOTTEN

Na cultura popular os elfos se difundiram sobremaneira após o lançamento dos jogos de RPG explorando versões élficas plagiadas de Tolkien. Essa vulgarização empobreceu sobremaneira a força do mito élfico.

No universo criado para o RPG Forgotten Realms, os elfos são uma das maiores raças dos Reinos. Os elfos de Forgotten Realms têm a altura de um humano, embora sejam bem mais magros. Suas mãos e dedos são maiores e mais afilados. Seus ossos são leves, mas surpreendentemente resistentes. As faces dos elfos têm expressões delicadas e serenas destacando as orelhas pontudas.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Dom Jan 27, 2013 12:19 am

OUTROS DETALHES

"Criaturas verdes, esguias, orelhas pontudas, tem aptidão mágicas, usam elementos e costumam possuir poderes de cura e empatia com a natureza, por vezes controlando as plantas e animais."

Envolveria portanto classes mágicas de Druida, Clérigo e Mago, mas deve ser analisado ainda. Quanto as cores, é possível fazer uma pequena variação entre o branco e o esverdeado, assim como algumas outras raças como os próprios Drow. Pensando também em práticas e habilidades que envolvam animais, transformismo e empatias.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Raças

Mensagem por Gond em Dom Jan 27, 2013 1:17 am

Anões

Os anões são famosos por sua eficiência militar, sua habilidade para resistir a
castigos físicos e mágicos, seu conhecimento sobre os segredos da terra, seu trabalho
árduo e sua capacidade de beber cerveja. Seus reinos misteriosos, escavados no interior
das montanhas, são famosos pelos tesouros maravilhosos que a raça produz como
presentes ou para o comércio.
Personalidade: Os anões hesitam em sorrir ou celebrar e suspeitam muito de
estranhos, mas são generosos com os poucos indivíduos que adquirem sua confiança.
Eles valorizam o ouro, as gemas, as jóias e os objetos de arte fabricados com esses
materiais preciosos e muitos já sucumbiram à ambição. Eles não combatem de forma
recatada ou temerária, mas com coragem, tenacidade e cautela. A raça possui um forte
senso de justiça, que pode se transformar em uma sede de vingança infindável. Entre
os gnomos, que são famosos por suas excelentes relações com os anões, é comum o
seguinte ditado: “Se eu estiver mentindo, que eu enraiveça um anão”.
Descrição Física: Os anões têm entre 1,30 m e 1,50 m de altura, mas seus
corpos são muito largos e compactos; em geral, eles pesam o mesmo que os seres
humanos. Os anões são ligeiramente mais altos e bem mais pesados que as anãs.
Sua pele geralmente é marrom ou com uma tonalidade bronzeada e seus olhos
sempre são escuros. Seus cabelos variam entre o preto, o cinza ou o castanho, quase
sempre longo. Os
anões valorizam bastante suas barbas e cuidam bem delas. Eles preferem estilos
simples para seus cabelos, barbas e roupas. Atingem a fase adulta por volta dos 40
anos e podem viver mais de 400 anos.
Relações: Os anões se relacionam bem com os gnomos e razoavelmente com
os humanos, meio-elfos e halflings. Eles costumam dizer: “a diferença entre um
conhecido e um amigo equivale a cerca de cem anos”. Os humanos, com suas vidas
curtas, encontram dificuldades em forjar vínculos mais profundos com os anões.

As melhores relações entre as duas raças acontecem quando o anão gostava dos pais
ou avós do humano. Os anões não conseguem apreciar a sutileza e a arte dos elfos,
considerando-os imprevisíveis, inconstantes e excêntricos. Ainda assim, durante as
eras, os elfos adquiriram o respeito dos anões quando combateram juntos os orcs,
os goblins e os gnolls. Os anões desconfiam dos meio-orcs, que também desconfiam
deles. Por sorte, os anões são justos e concedem aos meio-orcs a oportunidade
individual de provarem seu valor.
Tendência: Os anões geralmente são Leais e a raça tende ao Bem. Os aventureiros
são mais propensos a se diferenciar do padrão, pois costumam ser os indivíduos
que não se adaptaram perfeitamente à sua própria sociedade.
Terras dos Anões: Quase sempre, os reinos dos anões estão localizados nas
profundezas, abaixo das superfícies rochosas das montanhas, de onde a raça extrai
gemas e metais preciosos e forja seus trabalhos fabulosos. Os membros dignos de
confiança das outras raças são bem-vindos, mas existem restrições a algumas áreas.
Qualquer riqueza inexistente na montanha é obtida através do comércio. Os anões
não gostam de viajar na água, portanto os humanos mais empreendedores com
freqüência são responsáveis pelo comércio dos bens dos anões quando a viagem
exige uma rota fluvial ou marítima. Os anões que vivem nas terras dos humanos são
mercenários, armeiros, joalheiros e artesãos. Os guarda-costas da raça são famosos
por sua coragem e lealdade, e essas virtudes são muito bem remuneradas.
Religião: A divindade suprema dos anões é Moradin, o Forjador da Alma. Ele é
o criador dos anões e espera que seus seguidores se esforcem para melhorar a raça.
Idioma: Os anões falam o idioma Anão, que possui seu próprio alfabeto rúnico.
A literatura desta raça é marcada pela história detalhada de reinos e guerras através
dos milênios. O alfabeto Anão também é usado (com pequenas variações) pelos
idiomas Gnomo, Gigante, Goblin, Orc e Terran. Normalmente, os anões falam
o idioma dos seus aliados (humanos e gnomos), mas também dos seus inimigos.
Alguns também aprendem Terran, a estranha linguagem utilizada pelas criaturas
da terra, como os xorns.
Nomes: De acordo com a tradição, o nome de um anão é concedido pelo ancião
de seu clã. Todos os nomes adequados para essa raça já foram utilizados e reutilizados
através das gerações. O nome de um anão não lhe pertence, mas ao seu clã. Se ele
utilizar mal ou envergonhar esse nome, seu clã poderá retirá-lo. Um anão que perdeu
seu nome é proibido, pela lei dos anões, de usar qualquer outro nome da raça.
Nomes Masculinos: Barendd, Brottor, Eberk, Einkil, Oskar, Rurik, Taklinn,
Tordek, Trafnar, Traubon, Ulfgar, Veit.
Nomes Femininos: Artin, Audhild, Dagnal, Diesa, Gunnloda, Hlin, Lide,
Liftrasa, Sannl, Torgga.
Nomes de Clã: Balderk, Dankil, Gorunn, Holderhek, Loderr, Lutgehr, Rumnaheim,
Strakeln.Torunn, Ungart.
Aventuras: Um aventureiro anão poderia ser motivado por uma cruzada, por
amor ao risco ou simplesmente pela cobiça. Enquanto suas realizações trouxerem
honra para o clã, seus feitos serão capazes de torná-lo um membro respeitado e
reconhecido. Derrotar gigantes e obter armas mágicas poderosas são métodos comuns
de acumular respeito entre seus semelhantes.

Gond

Mensagens : 3
Data de inscrição : 26/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Dom Jan 27, 2013 4:02 am

ELFOS - RELAÇÕES

- Elfos são naturalmente ligados com o Natural, o Sagrado, o Espiritual e com sua cultura passada. Locais antigos são para os Elfos místicos e puros, não podendo jamais ser profanados por influências externas. Além disso, não costumam buscar muito a evolução tecnológica e por isso acabam sendo muito antiquados e conservadores.

Elfos - Anões: Na visão Élfica os Anões são pequenos seres arrogantes e que não devem ser levados tão a sério. Costumam manter a educação acima de tudo, mas deixam claro que sua presença não é bem vista. Muitas vezes, quando são obrigados a conviver, acabam se tornando grandiosos companheiros, principalmente se unidos em combate, mas jamais admitiriam tal coisa. Elfos consideram Anões criaturas insensíveis e gananciosas que estão sempre atrás de bens materiais ao invés da riqueza espiritual.

Elfos - Humanos: Elfos e Humanos tiveram deste o princípio da vida em Abir Toril (Planeta em que se passa o RPG) uma relação volúvel. Alguns Elfos de maior orgulho consideram-nos seres de menor espiritualidade e mais ligados ao mundo material, como os Anões, estes costumam não se dar muito bem com humanos. Ao contrário destes, a grande maioria os vê como criaturas de uma criatividade digna de fascínio. Costumam manter boas relações em sua maioria, desde que os Humanos não tentem interferir em seus locais sagrados.

Elfos - Meio-Elfos: Os Elfos veem esses seres como algo que viria a ocorrer naturalmente algum dia. É como se algo que já fosse previsto acabasse sendo consumado de uma vez por todas. Tratam estes com respeito e educação, mas talvez nem tanto carinho quanto dizem fazer. Muitas vezes escondem alguns segredos e ofícios dos Meio-Elfos, talvez com medo de que sua influência Humana fizesse com que mudassem os costumes tradicionais. Mantém portanto boas relações, mas caso ameace seu lado conservador, podem se tornar problemas.

Elfos - Drows: Os Elfos tem com os Drows uma relação de ódio mútuo e extremo. Nenhuma outra raça pode ser considerada tão impura quanto seus primos obscuros. Visto que os Drow nada mais são do que Elfos corrompidos no passado pela magia negra, estes veem seus parentes como uma anomalia, uma vergonha para a raça e se possível gostariam de exterminar todos. Muitas Guerras já foram travadas entre Elfos e Drows e a maioria com mais sangue do que as Guerras que envolveram todas as outras raças juntas. Caso algum dia um Elfo e um Drow resolverem sentar e se aceitar sem querer a morte imediata do outro, descobririam que no fundo tem mais a ver do que pensam e talvez até passassem a gostar um do outro. Mas isso é algo que jamais admitiriam, mesmo sobre risco de morte.

Elfos - Gnomos: Os Elfos são mais receptivos com os Gnomos do que com os parentes destes, os Anões. Visto que Gnomos são mais aptos a boas conversas já que possuem a lábia de um negociador e por isso conseguem de alguma forma convencer os Elfos de que não são tão ruins quanto os parentes. Elfos e Gnomos costumam entretanto manter sua relação baseada apenas em negócios, tratando-se educadamente e até mesmo divertindo-se um com o outro enquanto cuidam de negócios, mas é extremamente raro se ver um Gnomo visitando a casa de um Elfo apenas por amizade, mesmo que algumas vezes isso seja possível.

Elfos - Halfflings: Talvez as criaturas que tenham a melhor ligação para com os Elfos, visto que os admiram de alguma forma e deixam isso transparecer sem medo, fazendo com que os esguios seres conservadores acabem se deixando levar por todos os elogios e citações sobre sua grandeza. Consideram eles pequenos seres engraçadinhos que merecem atenção como uma criança pequena. Apesar disso, tratam-nos como merecem e acham graça de como corpos pequenos aguentam tanta comida. Muitos festivais Élficos tem em suas cidades a presença de Halfflings queridos por estes.

ELFOS - EXTRA

- Elfos falam a língua mais antiga de todo Abir Toril, o Élfico. Além disso, costumam ser grande estudiosos e na grande maioria aprendem todas as línguas das principais raças que correm sobre a face do Planeta. Elfos, além disso, costumam morar dentre a Natureza, perto de grandes florestas, lagos e cachoeiras, mas ao contrário do que se pensa, não vivem nas árvores, mas sim em gigantescos e lindos palácios construídos ali. Possuem festivais ligados a cada Divindade que Adoram e costumam adorar muitas, fazendo inclusive rituais de proteção contra as que não adoram, principalmente as usadas pelos seus primos distantes, os Drow.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Dom Jan 27, 2013 3:35 pm

ANÕES - FORA DE FORGOTTEN

1ª Fonte: Os Anões são, na obra criada por J. R. R. Tolkien, uma raça de baixa estatura, com barbas, amigos dos Hobbits e não gostam dos elfos.
São geralmente ferreiros ou mineradores, inigualáveis até mesmo pelos elfos em algumas de suas artes.

Chamam-se a si mesmos de Khazad. O nome em Sindarin é Hadhodrim e em Quenya, especialmente pelos Noldor, eram chamados de Casari. No entanto, os Sindar os chamavam de Naugrim ou Nogothrim, o Povo Nanico. Falam o idioma Khazad.

2ª Fonte: Anões (Dwarfs) são seres clássicos de RPG de estatura baixa vindos da mitologia nórdica, em que segundo as lendas, eles mestres na arte da mineração e nas forjas. Nas histórias de Tolkien eles são descritos como seres barbudos e baixos, que odeiam o sol. Nos RPGs clássicos de mesa essas características não são usadas normalmente, e eles são aliados dos humanos, mas às vezes brigando com os Elfos. Em geral são bons em luta com machados e martelos nos RPGs. Os anões podem ser inimigos também, tendo outras aparencias, sendo primitivos ou não, normalmente usam machados e martelos, são otimos ferreiros e fazem armas fantasticas. Existem muitos tipos de anões, como os duergar, que são anões negros que morrem se expostos ao sol, os anões das montanhas e os anões de ouro (são basicamente a mesma coisa). Também tem os de "Artemis Fowl": pequenos, gordos, comem terra, assim, cavam muito bem, sua saliva depois de sair de sua boca endurece e vira como pedra, os fios de sua barba (pelo que me lembram) os guiam, e muitos outros tipos de anões.

Anões possuem baixa estatura e são ótimos mestres na arte da mineração e da forjaria. Geralmente são aliados dos humanos, mas não "engolem a seco" os elfos, aos quais olham atravessado, com superioridade. Embora usem outras armas, preferem machados e martelos em combate, causando grandes estragos em seu oponente. São impulsivos e beberrões. Quando esvaziam os barris de cerveja das tavernas, procuram briga, confusão, são espalhafatosos, ou simplesmente caem bebados, roncando alto no chão. Frequentemente os anões possuem barba e cuidam muito bem delas (do seu modo, claro). Comprar briga é tocar na barba de um deles. A maioria possui uma pele escurecida pela fuligem das minas e seus cabelos e barba são negros. Isso varia, pois os anões das Montanhas Geladas, por exemplo, possuem pele clara e cabelos brancos. Os anões de gelo são mais introspectivos por viverem em uma comunidade afastada. Os anões, ainda, possuem força e conhecimento suficientes para fazer belíssimas armas e armaduras. Uma armadura de Mithril de excelente qualidade feita por anões é o sonho de qualquer guerreiro.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Qua Jan 30, 2013 2:15 am




• Características Físicas •


Os Elfos compõem uma raça mística de aparência humanoide, tendo a altura semelhante a estes (Média de 1,78 para homens e 1,70 para mulheres). Apesar disso, costumam ser sempre mais magros e esbeltos, tendo os dedos mais finos, longos e afiados. Possuem marcantes orelhas pontudas e alongadas, algo que se mostra em todos da raça. Seus ossos são mais leves do que dos humanos, porém, mais resistentes, o que dá a eles uma capacidade física impressionante.

Possuem normalmente cabelos de cores claras, sejam estes avermelhados ou dourados, chegando em alguns casos a ser esbranquiçado. Por cultura, os Elfos de ambos os sexos costumam usar seus cabelos em tamanhos longos, com tranças enfeitadas, muitos deles usando como adereços pequenos ramos e flores. Seus traços faciais são finos, dando a impressão de ingenuidade e delicadeza. Os olhos assumem colorações entre o azul e o dourado, variando entre estes, podendo chegar a serem verdes.

Como característica marcante, temos também a cor da pele dos membros dessa raça, sempre apresentada em tons claríssimos. Em sua maioria costumam demonstrar um branco níveo, quase marmóreo, sendo possível ver com total perfeição o desenho dos esguios músculos sobre a pele, entretanto, alguns conseguem apresentar um tom esverdeado, também muito claro, chamando um pouco mais de atenção e aguçando a curiosidade de muitos.


• O Psicológico •


Elfos são em sua maioria seres pacíficos e de grande hospitalidade. Raramente entram em um combate sem antes tentar outra forma de resolver seus problemas. Possuem total noção da fauna e flora que rege o planeta, respeitando-a e convivendo com esta de forma amena, sem causar estragos ou prejuízos. Por natureza, são protetores de qualquer forma viva, tendo uma espécie de elo espiritual com todos os componentes naturais.

Mostram-se receptivos a outras raças em sua maioria, entretanto, são conservadores e muito ligados ao seu passado e tudo que o envolve. Relíquias, ruínas, lembranças e lendas élficas são famosas por todo o mundo, pois a raça as preserva como se fossem sagradas. Apesar de tudo, há aqueles que olham todos como inferiores. Como se outras raças, por não compreender tão bem a natureza que os cerca, não fossem dignas de viver nesse mundo. Também por seu elo para com as forças naturais do mundo, os Elfos tem grande aptidão a magia em suas mais variadas formas.

Em termos linguísticos, elfos possuem sua língua própria, o chamado Alfrair (de pronúncia "alfrér"), uma língua de sílabas sussurradas e de escrita caprichada, como tudo que estes fazem. Diz-se ser a língua mais bonita de todo o mundo. Apesar disso, Elfos são grandes estudiosos e dessa forma costumam conhecer quase, se não todas, as línguas mais faladas.


• Relações Inter Raciais •


Elfos - Anões:
Na visão Élfica os Anões são pequenos seres arrogantes e que não devem ser levados tão a sério. Costumam manter a educação acima de tudo, mas deixam claro que sua presença não é bem vista. Muitas vezes, quando são obrigados a conviver, acabam se tornando grandiosos companheiros, principalmente se unidos em combate, mas jamais admitiriam tal coisa. Elfos consideram Anões criaturas insensíveis e gananciosas que estão sempre atrás de bens materiais ao invés da riqueza espiritual.

Elfos - Humanos:
Elfos e Humanos tiveram deste o princípio da vida em Abir Toril (Planeta em que se passa o RPG) uma relação volúvel. Alguns Elfos de maior orgulho consideram-nos seres de menor espiritualidade e mais ligados ao mundo material, como os Anões, estes costumam não se dar muito bem com humanos. Ao contrário destes, a grande maioria os vê como criaturas de uma criatividade digna de fascínio. Costumam manter boas relações em sua maioria, desde que os Humanos não tentem interferir em seus locais sagrados.

Elfos - Meio-Elfos:
Os Elfos veem esses seres como algo que viria a ocorrer naturalmente algum dia. É como se algo que já fosse previsto acabasse sendo consumado de uma vez por todas. Tratam estes com respeito e educação, mas talvez nem tanto carinho quanto dizem fazer. Muitas vezes escondem alguns segredos e ofícios dos Meio-Elfos, talvez com medo de que sua influência Humana fizesse com que mudassem os costumes tradicionais. Mantém portanto boas relações, mas caso ameace seu lado conservador, podem se tornar problemas.

Elfos - Drows:
Os Elfos tem com os Drows uma relação de ódio mútuo e extremo. Nenhuma outra raça pode ser considerada tão impura quanto seus primos obscuros. Visto que os Drow nada mais são do que Elfos corrompidos no passado pela magia negra, estes veem seus parentes como uma anomalia, uma vergonha para a raça e se possível gostariam de exterminar todos. Muitas Guerras já foram travadas entre Elfos e Drows e a maioria com mais sangue do que as Guerras que envolveram todas as outras raças juntas. Caso algum dia um Elfo e um Drow resolverem sentar e se aceitar sem querer a morte imediata do outro, descobririam que no fundo tem mais a ver do que pensam e talvez até passassem a gostar um do outro. Mas isso é algo que jamais admitiriam, mesmo sobre risco de morte.

Elfos - Halfflings:
Talvez as criaturas que tenham a melhor ligação para com os Elfos, visto que os admiram de alguma forma e deixam isso transparecer sem medo, fazendo com que os esguios seres conservadores acabem se deixando levar por todos os elogios e citações sobre sua grandeza. Consideram eles pequenos seres engraçadinhos que merecem atenção como uma criança pequena. Apesar disso, tratam-nos como merecem e acham graça de como corpos pequenos aguentam tanta comida. Muitos festivais Élficos tem em suas cidades a presença de Halfflings queridos por estes.


• Práticas & Habilidades •


Elo Natural: Devido ao elo que existe entre o espírito élfico e a natureza que cerca todo o mundo de Abir Toril, os Elfos possuem a habilidade de se comunicar com os seres viventes de forma única, quase telepática, abrindo sua mente para estes e recebendo respostas dessa mesma forma. Além disso, podem vir a conseguir favores de criaturas de boa índole e pressentir queimadas e mudanças no clima.

Olhar Aquino: Os Elfos possuem muitos de seus sentidos superiores aos das outras raças, dessa forma sua visão é um pouco melhor do que de outras raças. A mira dos Elfos, graças a isso, é praticamente perfeita, podendo atingir qualquer coisa que queiram, em movimento ou não, vindo daí a grande preferência por arcos. São capazes de enxergar a uma distância de cinquenta metros com total perfeição de detalhes, como se tudo estivesse a poucos centímetros de seu rosto.

Audição Felina: Assim como sua visão, a audição dos Elfos é superior a de muitas outras raças, equiparando-se e até superando a de alguns felinos. Elfos são capazes de capturar com detalhes pequenos sons que se mostrem em um raio de cinquenta metros. Ouvem praticamente tudo, como o bater de asas de um pequeno animal ou o farfalhar de esquilos movendo-se furtivamente entre as árvores.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Qua Jan 30, 2013 5:44 am




• Características Físicas •


Os Anões são os mais antigos e teimosos seres existentes dentro de Abir Toril. Donos de um corpo atarracado e pequeno, os membros dessa raça costumam ter uma média de 1,30 de altura, enquanto os de sexo masculino mais altos podem até mesmo vir a chegar a 1,50. Apesar disso, seus corpos são compactos e tão pesados quanto dos Humanos. Possuem os cabelos mais ondulados e crespos, a maioria variando entre o ruivo e o negro, nunca tendo cabelos loiros. A barba, desta mesma forma, é apreciada e por cultura se mantém grande e bem cuidada, com tranças complicadas e para eles belas.

A pele destes é normalmente mais grossa do que o comum, visto que o trabalho nas minas e nas forjas faz deles seres lapidados pelo tempo. Apresentam-se em cores mais bronzeadas e alguns mais escuros que os outros, tendo todos os olhos negros como carvão. Naturalmente fortes e resistentes ao calor e ao frio extremos, esses pequenos seres se mostram mais duros do que se julga normalmente.

Atingem a fase adulta normalmente aos quarenta anos e chegam a viver por volta de quatrocentos. Ao contrário do que muito se pensa, as Anãs possuem o corpo menos compacto e nenhum pelo no corpo ao contrário dos cabelos, sendo inclusive muito belas.


• O Psicológico •


Os mais teimosos e complicados seres de toda Abir Toril. Os Anões costumam esconder sorrisos e raramente festejam diante de outros seres, tentando sempre passar a ideia de que são duros como a própria rocha. De uma personalidade forte e bem forjada, estes tratam quase todos de forma rude, desconfiando de qualquer um que apareça ao seu redor. Apesar disso, quando se tornam íntimos de alguém mostram sua verdadeira face e o coração mole. Tornam-se generosos ao extremo, dividindo e celebrando.

Amantes do Ouro, Tesouros e tudo que envolve riqueza material, costumam forjar lindos itens e artefatos que se tornam lendários através da história. Apaixonados por cerveja, sempre que podem bebem como loucos, normalmente ficando completamente bêbados e encenando as mais violentas celebrações de todas as eras. Quando estão comemorando costumam quebrar coisas com suas armas ou com o próprio corpo, batendo inclusive em outros por pura diversão, o que entre Anões é levado como um gesto de amizade.

Falam uma língua rústica e antiga de todo o mundo, o idioma chamado Khazad. Apesar disso, por serem extremamente envolvidos em negócios e trocas de itens e ouro, acabam estudando e aprendendo com facilidade as outras línguas usadas em Abir Toril. Aventureiros de natureza, os Anões costumam sempre entrar atrás em grandes missões atrás de grande honra e ouro. As duas características que mais marcam os Anões são a Teimosia e o Orgulho.


• Relações Inter Raciais •


Anões - Elfos:
Na visão rude e fixa dos Anões, os Elfos são seres folgados e metidos, que possuem um forte jeito afeminado e que nunca devem ser levados a sério. Um dia um Elfo tentou explicara a um Anão sobre o espiritualismo e a energia que rege a natureza, o que gerou uma grande confusão pois o Anão, impaciente, embebedou-se e quebrou tudo. Esses dois naturalmente não se dão bem e dessa forma será até o fim dos tempos. Jamais um Anão conseguirá entender como se é possível negar o ouro, artefatos e cerveja por palavras e coisas velhas. Apesar de tudo, caso algum dia resolvam se conhecer melhor, estes poderão se tornar grandes amigos, já que se completariam de alguma forma.

Anões - Humanos:
Anões veem nos Humanos uma fonte inesgotável de lucro. Da mesma forma que aqueles possuem eterna criatividade e vontade de desenvolver sua tecnologia com inventos miraculosos, estes se aproveitam dessa vontade de evoluir com sua grande habilidade com forjas e artífices, tirando do papel os aparatos criados pelos Humanos. Veem estes com bons olhos para os negócios, mas assim como todas as outras raças, os Anões tratam os Humanos com desconfiança. Quando um Humano ganha o apreço dos Anões, passa a ser bem visto por estes e acaba criando laços que se torna eternos, mesmo que isso seja raro visto que o tempo de vida de um Humano é curto se comparado ao dos Anões.

Anões - Meio-Elfos:
Os Meio-Elfos são para os Anões um dos fatos históricos mais engraçados já ocorridos em toda Abir Toril. Estes seres criados da miscigenação entre os afeminados Elfos e os criativos Humanos são uma das melhores formas de se provocar os esguios seres naturais, mostrando que mesmo eles que se acham perfeitos cometem erros e tem essa grande mancha em sua história. Apesar de tudo, quando precisam lidar diretamente com eles, os tratam como todos os outros, com desconfiança e desconforto, praticamente nunca querendo algo além de negócios.

Anões - Drows:
Tudo que um Anão sempre quis que ocorresse. É isso que um Drow significa para os Anões. A maior mancha na história sagrada e impecável dos Elfos, uma ferida aliás que todo Anão tem prazer de tocar e abrir toda a vez que lhe é possível. Apesar de usar os Drow para irritar os Elfos, os Anões tem com estes uma das piores relações de todas. Se no caso dos Elfos, que são pelo menos de boa índole, estes já são desconfiados, imagine lá com os Drow. Seres terríveis e de péssimas intenções, que devem ser tratados como escória. Praticamente nunca é visto um Anão e um Drow lado a lado, já que muitos Anões preferem morrer do que se sujeitar a algo assim.

Anões - Halfflings:
Os Halfflings talvez sejam os únicos seres que os Anões de certa forma aceitam em seu meio sem ter uma completa desconfiança. Tratam estes da mesma forma que são tratados, com certa hospitalidade e respeito. Veem os Halfflings como criaturinhas engraças e providas de uma fome e coragem que não cabe no tamanho do corpo. Tem com estes portanto um melhor relacionamento do que com qualquer outra raça existente em todo Abir Toril. Claro que se um Halffling acabar atrapalhando algum negócio Anão, mesmo que sem querer, será digno da morte mais terrível.


• Práticas & Habilidades •


Arte das Forjas: De alguma forma, alguns dizem ser a grande benção de Gond que os Anões recebem ao nascer, os membros dessa raça possuem um dom natural e completo para a lendária arte da Forja. De alguma forma essas criaturas são capazes de criar as mais incríveis peças e artefatos místicos de metais preciosos e são os únicos capazes de manejar o Mythril, o mais raro e precioso dos metais para a forja, que reside dentro das Montanhas onde estes criam seus lares.

Força Interior: Talvez devido ao trabalho duro, talvez pelo difícil estilo de vida adotado pelos Anões, os membros dessa raça acabam desenvolvendo seus músculos corporais além dos limites conhecidos, tornando-se extremamente fortes. Dessa forma, possuem uma potência física sobrenatural, sendo providos de uma força jamais vista nas outras raças de Abir Toril.

Pele Calejada: Desde pequenos expostos a situações extremas, os Anões, com seu árduo estilo de se viver sob as montanhas, acabam por desenvolver uma resistência estranha em sua pele. É como se, devido a tudo que são designados, a derme destes acabasse por ficar mais dura, sendo assim mais difícil de se ferir. Além disso, estes ganham naturalmente uma resistência gigantesca à exposição corporal a temperaturas extremas, sejam estas frias ou quentes.


Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Qua Jan 30, 2013 4:02 pm

DROWS - APARÊNCIA E CARÁTER

Segundo o RPG Dungeons and Dragons drows são elfos corrompidos que habitam cidades subterrâneas.
Os drows possuem a pele escura, variando desde negro-obsidiana até um tom ardósia-azulado, cabelos entre o branco e o prateado e olhos variando desde amarelos brilhantes até vermelhos puros.
Atraentes, sua beleza muitas vezes supera o padrão de beleza dos elfos convencionais.
São sensíveis a luz, devido ao tempo em que estão reclusos na escuridão das profundezas. Devido este evento, podem enxergar no escuro com muita facilidade e se estão em um local sem nenhuma fonte luminosa, podem ver até 25 metros dentro da escuridão.
Pela falta de recursos a disposição nas profundezas dos subterrâneos, os drow desenvolveram uma aptidão natural para a magia, sendo capazes de manipular energia arcana com maior facilidade que seus primos da superfície.
São criaturas extremamente inteligentes, não são assassinos descontrolados e sim criaturas traiçoeiras e maldosas. Não pensam um minuto se for preciso matar um amigo ou membro da família para chegar ao objetivo desejado.
Os homens desta raça servem como guerreiros e magos. O foco clerical é das mulheres a serviço da Rainha Aranha ou Lolth deusa dos drow, figura divina extremamente matriarcal. Mas existem homens que também conquistam boa reputação na sociedade drow; é o caso de Jarlaxle (Forgotten Realms), um mercenário bastante influente até em eventos da superfície. Há também os exemplos de drows renegados que abandonam seu mundo escuro por não se identificarem com o ambiente cruel e doentio que envolve sua raça. Um exemplo é Drizzt Do'Urden o drow honrado mais famoso do cenário de campanha de Forgotten Realms e talvez de todos os tempos.

RELIGIÃO

Um dos motivos principais do ódio que existe entre os drow e os Elfos da Superfície é devido ao fato de que os drow se uniram à Rainha Aranha Lolth. Essa é sua grande deusa, ela está ligada a todo o tipo de seres das profundezas que são seus servos.
Essa religião é regida pelas formas mais negras da magia e pratica sacrifícios humanos. Em geral as sacerdotisas são as mulheres, muito raramente um homem consegue subir na sociedade usando a magia.

Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Hextor em Qui Jan 31, 2013 1:47 am




• Características Físicas •


Os Drow são fisicamente muito parecidos com os Elfos que vivem dentro de Abir Toril. Não só o tamanho, peso e composição física, mas também a resistência óssea e as famosas orelhas pontudas. Apesar de toda essa semelhança, quando foram corrompidos pela adoração a Lolth e tiveram de se refugiar no Subterrâneo do mundo, estes passaram a adquirir certas peculiaridades.

A pele dos Drow, ao contrário dos parentes de superfície, tomou uma coloração escurecida. Estes tem a derme variando entre o cinza e o negro absoluto, apresentando outras colorações como o púrpura, mas sempre em um tom muito escuro. Seus olhos são amarelados e alguns chegam a ser completamente vermelhos. Os cabelos, também mantidos grandes em sua maioria por cultura, são de uma coloração esbranquiçada, aparecendo vez ou outra em um tom mais prateado.

Alguns membros dessa raça costumam ser mais vaidosos e enfeitar-se com tranças nos cabelos e tatuagens em cores como o azul, mas sempre feitas com a tinta mágica que estes criaram, tinta esta que diante da luz da lua emite um brilho opaco, como se fosse fluorescente. Os Drow possuem uma beleza muitas vezes superior a de todas as outras raças, apresentando uma aura misteriosa e maliciosa que parece sempre os rondar.


• O Psicológico •


Os Drow tem como principal característica de sua personalidade o cinismo. Corrompidos a eras pela magia negra de Lolth que fez com que fossem banidos para o Subterrâneo, os Drow se tornaram seres frios e psicóticos, capazes de matar seus próprios familiares para atingirem os objetivos que buscam em sua vida. Donos de uma mente maliciosa e cheia de truques, estes são de longe a pior raça de toda Abir Toril.

Sanguinários e sem escrúpulos, os membros dessa raça costumam viver em nome do Assassinato, fazendo-o sem pena ou rancor. Dedicam cada gota de sangue, grito e lágrima arrancada de seus alvos à sua Deusa mãe. Os Drow são torturadores natos e os melhores se o assunto pedir medidas extremas. Seres que vagam pelo mundo em busca de sua próxima vítma.

Apesar disso, existem aqueles que, por influência externa ou outras coisas desse gênero, acabam por se unir a outras raças, mas apenas quando são aceitos. Estes, poucas exceções, conseguem ver os erros em seu caráter e assumir uma postura honrosa, buscando fazer tudo em nome do perdão de seus crimes e de sua raça. É como se voltassem a lembrar do que eram antes de serem corrompidos pelo ódio.

Os Drow, mesmo depois de se separarem dos Elfos, mantiveram algumas coisas fixas em sua cultura, sendo a principal delas a língua Élfica, o Alfrair. Assim como os parentes da superfície, estes estudam também outras línguas que regem o mundo de Abir Toril, seja para fazer negócios ou coisas mais diversificadas.


• Relações Inter Raciais •


Post
Post


• Práticas & Habilidades •


Olhos da Noite: Quando forçados a morar no Subterrâneo de Abir Toril, os Drow tiveram que adaptar as habilidades Élficas para sua nova realidade. A partir disso, acabaram por desenvolver a capacidade de enxergar no escuro com perfeição de detalhes. Vale lembrar que a visão ainda mantém seu limite de cinquenta metros a frente. Além disso, estes possuem, no escuro, uma mira fatal.

Aura da Morte: Devido ao caráter corrompido pela Necromancia que passaram a praticar em nome de sua Deusa, Lolth, que os abençoa por isso, estes desenvolveram uma personalidade psicótica que tem como maior prazer o assassinato. O corpo antes apto a magia desenvolveu dessa forma uma espécie de aura que cerca o corpo dos Drow. Não é possível ser vista por ser espiritual, mas sempre que um Drow está por perto todos se sentem desconfortáveis e, caso fique por muito tempo próximo de plantas e coisas assim, estas morrem.

Empatia Obscura: Assim como seus parentes Élficos tinham uma grande empatia com tudo que é natural, os Drow desenvolveram um elo semelhante com tudo que é de má índole em Abir Toril. Estes são capazes de abrir sua mente para animais como morcegos, chacaus, entre outras criaturas e, através de sua aura medonha, impor sua vontade sobre esses seres, dominando-os e os forçando a cumprir favores.


Hextor
Admin

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://forbiddenlands.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Raças

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum